Esta turma costuma refletir bastante!

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Em Caso de Despressurização

ImageChef Sketchpad - ImageChef.com 

Eu estava dentro de um avião, prestes a decolar, e pela milionésima vez na vida escutava a orientação da comissária: "Em caso de despressurização da cabine, máscaras cairão automaticamente à sua frente. Coloque primeiro a sua e só então auxilie quem estiver ao seu lado." E a imagem no monitor mostrava justamente isso, uma mãe colocando a máscara no filho pequeno, estando ela já com a dela.

É uma imagem um pouco aflitiva, porque a tendência de todas as mães é primeiro salvar o filho e depois pensar em si mesma. Um instinto natural da fêmea que há em nós. Mas a orientação dentro dos aviões tem lógica: como poderíamos ajudar quem quer que seja estando desmaiadas, sufocadas, despressurizadas?

Isso vem ao encontro de algo que sempre defendi, por mais que pareça egoísmo: se quer colaborar com o mundo, comece por você.

Tem gente à beça fazendo discurso pela ordem e reclamando em nome dos outros, mas mantém a própria vida desarrumada. Trabalham naquilo que não gostam, não se esforçam para manter uma relação de amor prazerosa, não cuidam da própria saúde, não se interessam por cultura e informação e estão mais propensos a rosnar do que a aprender. Com a cabeça assim minada, vão passar que tipo de tranqüilidade adiante? Que espécie de exemplo? E vão reivindicar o quê?

Quer uma cidade mais limpa, comece pelo seu quarto, seu banheiro e seu jardim. Quer mais justiça social, respeite os direitos da empregada que trabalha na sua casa. Um trânsito menos violento, é simples: avalie como você mesmo dirige.

E uma vida melhor para todos? Pô, ajudaria bastante pôr um sorriso nesse rosto, encontrar soluções viáveis para seus problemas, dar uma melhorada em você mesmo.

Parece simplório, mas é apenas simples. Não sei se esse é o tal "segredo" que andou circulando pelos cinemas e sendo publicado em livro, mas o fato é que dar um jeito em si mesmo já é uma boa contribuição para salvar o mundo, essa missão heróica e tão bem intencionada.

Claro que não é preciso estar com a vida ganha para ser solidário. A experiência mostra que as pessoas que mais se sensibilizam com os dilemas alheios são aquelas que ainda têm muito a resolver na sua vida pessoal. Por outro lado, elas não praguejam, não gastam seu latim à toa: agem. A generosidade é seu oxigênio.

Tudo o que nos acontece é responsabilidade nossa, tanto a parte boa quanto a parte ruim da nossa história, salvo fatalidades do destino e abandonos sociais. E, mesmo entre os menos afortunados, há os que viram o jogo, ao contrário daqueles que apenas viram uns chatos.

Portanto, fazer nossa parte é o mínimo que se espera.
Antes de falar mal da "Caras", pense se você mesmo não anda fazendo muita fofoca. Coloque sua camiseta pró-ecologia, mas antes lembre-se de não jogar lixo na rua e nem de usar o carro desnecessariamente. Reduza o desperdício na sua casa.

Uma coisa está relacionada com a outra: você e o universo. Quer mesmo salvá-lo? Analise seu próprio comportamento. Não se sinta culpado por pensar em si próprio. Cuide do seu espírito, do seu humor. Arrume seu cotidiano. Agora sim, estando quite consigo mesmo, vá em frente e mostre aos outros como se faz.

Martha Medeiros

12 comentários:

ONG ALERTA disse...

Infelizmente o ser humano esta cada vez mais egoista, mas sempre existe uma máo para ser dada, beijo Lisette.
Sonia eu te enviei as respostas???Recebeu??

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Sônia
Concordo plenamente com o texto. Só posso estar bem com o mundo, se estiver bem comigo mesmo.
Bjux

Marlene disse...

Óla Sonia pela primeira vez estou visitando este seu blog,gostei muito desta cronica,e muito certo que devemos primeiro cuidar do nosso
interior,da nossa casa para depois criticar,tenho uma mensagem que diz se não tens nada de bom a falar divide teu silencio com alguem,
adorei sua postagem seu blog
tenha uma ótima semana,bjs
Marlene

Silviah Carvalho disse...

Aplausos!!! querida que texto maravilhoso, você estava inspirada e indignada e resultou nesta perfeita reflexão.
Bjs. Tenha um ótimo Domingo.

Sergio Martins disse...

Bravo! Como as pessoas se esquecem de questões tão básicas, as quais fazem a maior diferença. Parabéns! Abç!

Maria José disse...

Olá Sonia. Adoro Martha Medeiros. Ela tem um jeito especial de falar verdades. Ninguém é capaz de dar o que não tem. Portanto, o processo começa conosco. Beijos e ótima semana.

łuc¡คหค disse...

Oi Sonia

Obrigada pelo carinho adoro mesmo cinema e faço disso minha vida;
Bjs e boa semana

wcastanheira disse...

Uma belezura esta conterrânea é especial de primeira, uma delicia de leitura, uma escolha inteligente tri legal guria, pra ti bjos, bjos e bjossss tchê.

Anne Lieri disse...

Essa mulher sabe mesmo das coisas!Viu a entrevista dela na Gaby?Muito boa!Adorei o texto!Bjs,

Marcia disse...

Isso mesmo, os textos da Martha sao ótimos e bem atuais.
Cuidando do nosso "canteiro interior" só teremos flores para oferecer.
Beijos e uma linda semana!

Graça Pereira disse...

Minha Querida
Acho este texto belissimo e de grande utilidade! Afinal, quem não tem...não pode dar! Elementar,mesmo básico. Mas a tendência de quase toda a gente é desrespeitar todas as
leis e as consequências da mesma.

Toda a gente passa pelo "nosso" tribunal...menos nós!!!
Só respeitando-nos e respeitando poderemos encontrar o equilibrio nas nossas sociedades.
Beijo e boa semana.
Graça

Celina disse...

Oi Sonia paz para todos, primeiro quero agradecer a visita e comentário. agora este texto foi muito bem escolhido´depois que a ví em Maria Gabriela, fiquei sua fã, foi uma intrevista simples e muito inteligent, ela prende as pessõas, conhecia antes pelas suas cronicas, fez muito bem em nos presentiar com gente de valor como Marta Mdeiros.Abraços Celina

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Marcadores de reflexões:

Adolescência (1) Alberto Mantovani Abeche (1) Alexandre Garcia (1) Américo Canhoto (1) Amizade (4) Amor (1) Andrew Matthews (3) Aneli Belluzzo Simões (1) Ano Novo (2) Antônio Mesquita Galvão (1) Aparência (1) Arnaldo Jabor (6) Arthur da Távola (2) Artigos da revista Cláudia (1) Ary Fontoura (1) Autoria desconhecida (28) Bem-estar (4) Brasil (1) Brena Braz (1) Brian Dyson (1) Carla Rojas Braga (1) Carlos Drummond de Andrade (5) Carlos Reinaldo Mendes Ribeiro (1) Carnaval (1) Cecília Meireles (1) Cedidos por amigos (1) Charges (1) Charles Chaplin (5) Chico Buarque (2) Cinema (1) Civilidade (1) Clarice Lispector (5) Corrupção (1) Crônicas (2) Crueldade Humana(?) (1) Dalai Lama (1) Dalmir Sant'Anna (1) Daniel Bruno de Castro Reis (1) Danuza Leão (3) Datas especiais (14) David Coimbra (2) Dia da Criança (1) Dia das Mães (1) Dia do Amigo (1) Dia do Professor (1) Dia dos Pais (2) Dia Internacional da Mulher (1) Diovana Rodrigues (1) Dráuzio Varella (1) E-book do Prof. Marins (1) E-mails (1) Educação (1) Eleições (1) Evandro Amoretti (1) Fabiana Kaodoinski (1) Fabrício Carpinejar (7) Fátima Irene Pinto (1) Fernanda Mello (1) Fernando Pessoa (2) Flávio Gikovate (2) Flávio Tavares (1) Gabi Borin (1) Gilberto Stürmer (1) Halloween (1) Herbert Vianna (1) Herman Melville (1) Impunidade (1) Internet (1) Ivete Sangalo (1) Jornal Zero Hora (1) José Geraldo Martinez (1) José Ronaldo Piza (1) Kahlil Gibran (1) Kledir Ramil (1) L. F. Veríssimo (7) Laerte Russini (1) Léo Lolovitch (2) Letícia Thompson (24) Letra de música (5) Lilian Poesias (1) Lya Luft (4) Magistério (1) Maktub (4) Marcial Salaverry (1) Maria Helena Matarazzo (2) Mário Quintana (2) Martha Medeiros (32) Masaharu Taniguchi (1) Mau-humor (1) Menalton Braff (1) Mensagens (7) Meu aniversário (1) Meus blogs (4) Minha autoria (67) Miriam de Sales Oliveira (1) Motivação (2) Mulher (8) Natal (2) Oliveira Fidelis Filho (1) Oscar Wilde (1) Osho (3) Oswaldo Montenegro (1) Otimismo (1) Páscoa (3) Paulo Coelho (2) Paulo Roberto Gaefke (5) Paulo Sant'Ana (1) Pe. Fábio de Melo (1) Poemas (1) Política (1) Programa Fantástico (1) Promoções (1) Protesto (1) Recebidos por e-mail (10) Redação Momento Espírita (4) Reflexões (21) Reinaldo C. Moscatto (1) RH Andrade Gutierrez (1) Richard Bach (1) Rivalcir Liberato (5) Roberto Shinyashiki (4) Rosana Braga (2) Rosane de Oliveira (1) Rose Mori (1) Saúde (4) Selos (4) Sexo (3) Silvana Duboc (1) Tais Vinha (1) Textos Criativos (1) Textos Psicografados (1) Titãs (1) Tragédias (1) Vida real (5) Vídeo + texto de minha autoria (11) Vídeos (1) Vídeos feitos por mim (1) Vinícius de Moraes (1) Violência (1) Vitor Hugo (1) William Shakespeare (1) YouTube Vídeos (4)

Clique na imagem e...

Conheça meu blog divulgador!