Esta turma costuma refletir bastante!

domingo, 30 de maio de 2010

Rifa-se um coração...


Rifa-se um coração
Rifa-se um coração quase novo.
Um coração idealista.
Um coração como poucos.
Um coração à moda antiga.
Um coração moleque que insiste
em pregar peças no seu usuário.
Rifa-se um coração que na realidade está um
pouco usado, meio calejado, muito machucado
e que teima em alimentar sonhos e, cultivar ilusões.
Um pouco inconseqüente que nunca desiste
de acreditar nas pessoas.
Um leviano e precipitado coração
que acha que Tim Maia
estava certo quando escreveu...
"...não quero dinheiro, eu quero amor sincero,
é isso que eu espero...".
Um idealista...Um verdadeiro sonhador...
Rifa-se um coração que nunca aprende.
Que não endurece, e mantém sempre viva a
esperança de ser feliz, sendo simples e natural.
Um coração insensato que comanda o racional
sendo louco o suficiente para se apaixonar.
Um furioso suicida que vive procurando
relações e emoções verdadeiras.
Rifa-se um coração que insiste em cometer
sempre os mesmos erros.
Esse coração que erra, briga, se expõe.
Perde o juízo por completo em nome
de causas e paixões.
Sai do sério e, às vezes revê suas posições
arrependido de palavras e gestos.
Este coração tantas vezes incompreendido.
Tantas vezes provocado.
Tantas vezes impulsivo.
Rifa-se este desequilibrado emocional
que abre sorrisos tão largos que quase dá
pra engolir as orelhas, mas que
também arranca lágrimas
e faz murchar o rosto.
Um coração para ser alugado,
ou mesmo utilizado
por quem gosta de emoções fortes.
Um órgão abestado indicado apenas para
quem quer viver intensamente
contra indicado para os que apenas pretendem
passar pela vida matando o tempo,
defendendo-se das emoções.
Rifa-se um coração tão inocente
que se mostra sem armaduras
e deixa louco o seu usuário.
Um coração que quando parar de bater
ouvirá o seu usuário dizer
para São Pedro na hora da prestação de contas:
"O Senhor pode conferir. Eu fiz tudo certo,
só errei quando coloquei sentimento.
Só fiz bobagens e me dei mal
quando ouvi este louco coração de criança
que insiste em não endurecer e,
se recusa a envelhecer"
Rifa-se um coração, ou mesmo troca-se por
outro que tenha um pouco mais de juízo.
Um órgão mais fiel ao seu usuário.
Um amigo do peito que não maltrate
tanto o ser que o abriga.
Um coração que não seja tão inconseqüente.
Rifa-se um coração cego, surdo e mudo,
mas que incomoda um bocado.
Um verdadeiro caçador de aventuras que ainda
não foi adotado, provavelmente, por se recusar
a cultivar ares selvagens ou racionais,
por não querer perder o estilo.
Oferece-se um coração vadio,
sem raça, sem pedigree.
Um simples coração humano.
Um impulsivo membro de comportamento
até meio ultrapassado.
Um modelo cheio de defeitos que,
mesmo estando fora do mercado,
faz questão de não se modernizar,
mas vez por outra,
constrange o corpo que o domina.
Um velho coração que convence
seu usuário a publicar seus segredos
e a ter a petulância de se aventurar como poeta

Clarice Lispector

18 comentários:

Glória disse...

Sônia, eu não tenho mais um coração, nem ele sobrou.

Beijos
Glória

Chica disse...

Eu não rifaria o meu...beijos, lindo domingo,chica

wcastanheira disse...

Quem opta por Clarice pode errar? Não, com certeza não erra, então vc foi espetacular com um texto q engrandece o espaço e enobrece a cada leitor, então vc q fez a escolha merece bjos, bjos e bjossssss

Rosa Carioca disse...

Não, Glória, não diga isso. Lá no fundo, há sempre um coração disponível para amar e ser amado...
Há dias que não o ouvimos bem, mas ele está lá.

Celina disse...

SONIA QUERIDA, MUITA PAZ PARA VC, AGRADEÇO O SEU COMENTÁRIO, COMO SEMPRE MUITO CARINHOSO, LÍ A POESIA DE DLARICE LINSPECTOR, UMA ESCOLHA MUITO LEGAL. SÓ UM CORAÇÃO QUE AMA ENTENDE O CONTEÚDO DO POEMA UM ABRAÇO CARINHOSO PARA VC CELINA.

Blog da Fatima disse...

Sônia...
Se eu te disser que to rifando o meu....ou quem sabe troco por outro um pouco mais duro, menos amoroso... Tá dificil amiga....

Bjos no ♥

ONG ALERTA disse...

Maravilhoso, lembra a vida não para e o coração precisa acompanhar...paz.
Beijo Lisette.

Rosana disse...

Olá minha linda, eu não sei, acho que melhor que tenho a fazer é trancá-lo, por tempo indeterminado, Glóriaaaaaaaa, acho que estamos em situações bem parecidas, acho que não me dou bem quando dedico meu coração a alguém, beijos em seu coração minha linda!

Rosana Morena"

Sonia Schmorantz disse...

Maravilhoso esta rifa da Clarice Lispector!
Parabéns pela escolha!
beijo, uma ótima semana para ti

Eneida disse...

Então sou da turma dos petulantes!
Beijo!

Maria disse...

Querida amiga, deixei um selinho no meu cantinho para si.
Tenha uma semana magnífica.
Bjs do tamanho do infinito
Maria

Malu disse...

Soninha, minha querida amiga,
obrigada pelas doces palavras da Madre Teresa que deixou lá no meu canto.
Um enorme beijinho

Menina Misteriosa disse...

hoje, tenho mais cuidado! rs

beijo!

AFRICA EM POESIA disse...

sónia
Um beijo bem doce.
gosto muito de ti.

Uma boa semana.

"Cantinho Poético" disse...

"A verdadeira essência das coisas, só o coração pode
ver, com a sensível alma que o faz viver. Quando a
alma, retorna a sua origem divina, o coração para de bater. Somente a alma sobrevive no plano divino,
aguardando um novo alvorecer."

''Elias Akhenaton''

Boa Noite e beijos meus...M@ria

orvalho do ceu disse...

Olá,
Seu coração não é petulante... é corajoso e vai vencer por isso!
Abraços fraternos

ONG ALERTA disse...

Idade é apenas um número, sentir conta mais, paz, beijo Lisette.

Pérola disse...

Ele está tranquilinho rs.
Falo do meu coração rs.
Beijokas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Marcadores de reflexões:

Adolescência (1) Alberto Mantovani Abeche (1) Alexandre Garcia (1) Américo Canhoto (1) Amizade (4) Amor (1) Andrew Matthews (3) Aneli Belluzzo Simões (1) Ano Novo (2) Antônio Mesquita Galvão (1) Aparência (1) Arnaldo Jabor (6) Arthur da Távola (2) Artigos da revista Cláudia (1) Ary Fontoura (1) Autoria desconhecida (28) Bem-estar (4) Brasil (1) Brena Braz (1) Brian Dyson (1) Carla Rojas Braga (1) Carlos Drummond de Andrade (5) Carlos Reinaldo Mendes Ribeiro (1) Carnaval (1) Cecília Meireles (1) Cedidos por amigos (1) Charges (1) Charles Chaplin (5) Chico Buarque (2) Cinema (1) Civilidade (1) Clarice Lispector (5) Corrupção (1) Crônicas (2) Crueldade Humana(?) (1) Dalai Lama (1) Dalmir Sant'Anna (1) Daniel Bruno de Castro Reis (1) Danuza Leão (3) Datas especiais (14) David Coimbra (2) Dia da Criança (1) Dia das Mães (1) Dia do Amigo (1) Dia do Professor (1) Dia dos Pais (2) Dia Internacional da Mulher (1) Diovana Rodrigues (1) Dráuzio Varella (1) E-book do Prof. Marins (1) E-mails (1) Educação (1) Eleições (1) Evandro Amoretti (1) Fabiana Kaodoinski (1) Fabrício Carpinejar (7) Fátima Irene Pinto (1) Fernanda Mello (1) Fernando Pessoa (2) Flávio Gikovate (2) Flávio Tavares (1) Gabi Borin (1) Gilberto Stürmer (1) Halloween (1) Herbert Vianna (1) Herman Melville (1) Impunidade (1) Internet (1) Ivete Sangalo (1) Jornal Zero Hora (1) José Geraldo Martinez (1) José Ronaldo Piza (1) Kahlil Gibran (1) Kledir Ramil (1) L. F. Veríssimo (7) Laerte Russini (1) Léo Lolovitch (2) Letícia Thompson (24) Letra de música (5) Lilian Poesias (1) Lya Luft (4) Magistério (1) Maktub (4) Marcial Salaverry (1) Maria Helena Matarazzo (2) Mário Quintana (2) Martha Medeiros (32) Masaharu Taniguchi (1) Mau-humor (1) Menalton Braff (1) Mensagens (7) Meu aniversário (1) Meus blogs (4) Minha autoria (67) Miriam de Sales Oliveira (1) Motivação (2) Mulher (8) Natal (2) Oliveira Fidelis Filho (1) Oscar Wilde (1) Osho (3) Oswaldo Montenegro (1) Otimismo (1) Páscoa (3) Paulo Coelho (2) Paulo Roberto Gaefke (5) Paulo Sant'Ana (1) Pe. Fábio de Melo (1) Poemas (1) Política (1) Programa Fantástico (1) Promoções (1) Protesto (1) Recebidos por e-mail (10) Redação Momento Espírita (4) Reflexões (21) Reinaldo C. Moscatto (1) RH Andrade Gutierrez (1) Richard Bach (1) Rivalcir Liberato (5) Roberto Shinyashiki (4) Rosana Braga (2) Rosane de Oliveira (1) Rose Mori (1) Saúde (4) Selos (4) Sexo (3) Silvana Duboc (1) Tais Vinha (1) Textos Criativos (1) Textos Psicografados (1) Titãs (1) Tragédias (1) Vida real (5) Vídeo + texto de minha autoria (11) Vídeos (1) Vídeos feitos por mim (1) Vinícius de Moraes (1) Violência (1) Vitor Hugo (1) William Shakespeare (1) YouTube Vídeos (4)

Clique na imagem e...

Conheça meu blog divulgador!