Esta turma costuma refletir bastante!

domingo, 4 de julho de 2010

A Morte Devagar


Morre lentamente quem não troca de idéias, não troca de discurso, evita as próprias contradições.

Morre lentamente quem vira escravo do hábito, repetindo todos os dias o mesmo trajeto e as mesmas compras no supermercado. Quem não troca de marca, não arrisca vestir uma cor nova, não dá papo para quem não conhece.

Morre lentamente quem faz da televisão o seu guru e seu parceiro diário. Muitos não podem comprar um livro ou uma entrada de cinema, mas muitos podem, e ainda assim alienam-se diante de um tubo de imagens que traz informação e entretenimento, mas que não deveria, mesmo com apenas 14 polegadas, ocupar tanto espaço em uma vida.

Morre lentamente quem evita uma paixão, quem prefere o preto no branco e os pingos nos is a um turbilhão de emoções indomáveis, justamente as que resgatam brilho nos olhos, sorrisos e soluços, coração aos tropeços, sentimentos.

Morre lentamente quem não vira a mesa quando está infeliz no trabalho, quem não arrisca o certo pelo incerto atrás de um sonho, quem não se permite, uma vez na vida, fugir dos conselhos sensatos.

Morre lentamente quem não viaja, quem não lê, quem não ouve música, quem não acha graça de si mesmo.

Morre lentamente quem destrói seu amor-próprio. Pode ser depressão, que é doença séria e requer ajuda profissional. Então fenece a cada dia quem não se deixa ajudar.

Morre lentamente quem não trabalha e quem não estuda, e na maioria das vezes isso não é opção e, sim, destino: então um governo omisso pode matar lentamente uma boa parcela da população.

Morre lentamente quem passa os dias queixando-se da má sorte ou da chuva incessante, desistindo de um projeto antes de iniciá-lo, não perguntando sobre um assunto que desconhece e não respondendo quando lhe indagam o que sabe. Morre muita gente lentamente, e esta é a morte mais ingrata e traiçoeira, pois quando ela se aproxima de verdade, aí já estamos muito destreinados para percorrer o pouco tempo restante. Que amanhã, portanto, demore muito para ser o nosso dia. Já que não podemos evitar um final repentino, que ao menos evitemos a morte em suaves prestações, lembrando sempre que estar vivo exige um esforço bem maior do que simplesmente respirar.

19 comentários:

Chica disse...

Muito lindo,nossa Martha é ótima!beijos,chica

ValeriaC disse...

Minha flor...que texto mais lindo...evitemos estes morreres de cada dia...vivamos intensamente cada momento...e para viver assim, basta colocar AMOR em tudo o que fizermos...e nada teremos que nos arrepender...mas sim, teremos a certeza que vivemos...no melhor que pudemos...
Bom domingo...cheio de sorrisos!
Beijinho na sua doce alma...
Valéria

Dora Regina disse...

é amiga, a gente não pode e esquecer de viver bem, a vida passa muito rápido.
Um grande abraço, obrigada pelas visitas...Sempre é uma alegria renovada.
Um bom domingo!!

Sandra disse...

Sonia!
tem alguns de seus blogs que abaixo dá imagem tem um sinalzinho, um simbolo, ao clicar ele vai no meu blog. Foi isso que me referi.
Agradeço as poesias, as mensagens. Lindas.
Esta sua postagem tbém é muito especial.
Relamente morre quem não se recicla, para no tempo.
Muito obrigada por tudo.
Bjs.
Agradeço as visitas.
Sandra

Sandra disse...

Na postagem eu me remendo, abaixo da imagem tem o sinal. ali eu cliquei e deu direto no blog-perfil. Se vc verificar vai perceber.
Um grande bj.
Obrigada.
sandra

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga.

O texto é perfeito.

A vida é breve
e o amor mais breve ainda.
Por isso
devemos amar e viver
semeando e inspirando sonhos,
a cada manhã...

Dias de paz para ti.

Miguel Eibel disse...

Boa tarde!!!!
Concordo totalmente com o seu texto!!!
Parabéns!!!
Tudo de bom e uma linda e viva semana!!!!


http://migueleibel.blogspot.com

ONG ALERTA disse...

Tem pessoas que estam mortas em vida, paz.
Beijo Lisette

Luna Sanchez disse...

São fases em que a gente faz essa tentativa horrorosas de suicídio lento...que bom que a animação sempre vence, no final! =)

Beijos, querida!

ℓυηα

Celina disse...

OI SONINHA UMA SEMANA BEM LEGAL, É VC TEM RAZÃO É HORRIVEL AS PESSÕAS RABUGENTAS QUE DE TUDO RECLAMAM, RUIM PARA ELAS E PARA AQUELES QUE ESTÃO AO SEU LADO,SÃO SERES NEGATIVOS QUE AFUGENTAM COM AS SUAS RECLAMAÇÕES OS AMIGOS BEM INTECIONADOS. UM ABRAÇO CARINHOSO, ANTES QUE ESQUEÇA OBRIGADA POR VERSOS TÃO LINDOS. CELINA

Amapola disse...

Boa tarde, querida amiga Sônia.

Eu estava com saudades, mas tenho ficado sem conexão. No próximo mês, vou trocar de provedora. Só tenho mais uma opção para tentar. Parece até que moro além do arco-íris.
O sinal aqui é péssimo.

Seu texto é lindo, e realmente para vivermos bem, temos que nos comunicar sim. Adoro "gente". E uma palavra, representa vida.

Um grande abraço, amadaaa!
Tenha uma bela semana.

legalmente loira... disse...

lindo post....temos que procurar não morrer de fato e sim levar adiante nosso caminhar...

ausente por alguns dias.
reformas no meu espaço.
volto logo não se esqueça de mim rsrs.
com carinho e bjos da rita...
:g

Anne Lieri disse...

Soninha,que bela essa msg da Marta!A vida não pode ser deixada de lado,quando há tanto a se viver e aproveitar!Bjs,

wcastanheira disse...

Naõ exercitar a ação das idéias, omitir-se é verdadeiramente morrer aos poucos, ir pela açãoe penesamento dos outros, bjos, bjos e bjossssss

Luciana N disse...

Oi Sonia
Obrigada amiga fico feliz com isso filmes me dão um prazer muito grande.
Adoroooooo esse texto muito bem escrito lindo mesmo
Tdo bem contigo?
Adoro seus Blogs são de muito otimismo.
Bjs

wcastanheira disse...

Quem escolhe Martha tem chances de errar na postagem? Achoq não acerta em cheio eo sujeito até volta para reler e novamente entusiasma-se, bjos, bjos e bjosssssss

Déia disse...

Lindo, heim?

Morre lentamente quem não sabe viver!

bj

Priscila Rodrigues disse...

Oi, querida.

Ótimo texto, ótima escolha em um dia desses. As vezes as coisas fogem do nosso controle, mas no momento certo tudo volta ao normal, pois tem um Deus lá em cima guiando nossos passos.

Até a próxima, linda...

Beijos.. muitos.

Maria disse...

Querida amiga, lindo e verdadeiro, morre lentamente quem não têm amor no coração, quem só vê o lado negro das coisas, quem não sabe prender no coração os bons momentos da vida.
Um excelente fim de semana, cheio de Paz e amor.
bjs do tamanho do infinito
Maria

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Marcadores de reflexões:

Adolescência (1) Alberto Mantovani Abeche (1) Alexandre Garcia (1) Américo Canhoto (1) Amizade (4) Amor (1) Andrew Matthews (3) Aneli Belluzzo Simões (1) Ano Novo (2) Antônio Mesquita Galvão (1) Aparência (1) Arnaldo Jabor (6) Arthur da Távola (2) Artigos da revista Cláudia (1) Ary Fontoura (1) Autoria desconhecida (28) Bem-estar (4) Brasil (1) Brena Braz (1) Brian Dyson (1) Carla Rojas Braga (1) Carlos Drummond de Andrade (5) Carlos Reinaldo Mendes Ribeiro (1) Carnaval (1) Cecília Meireles (1) Cedidos por amigos (1) Charges (1) Charles Chaplin (5) Chico Buarque (2) Cinema (1) Civilidade (1) Clarice Lispector (5) Corrupção (1) Crônicas (2) Crueldade Humana(?) (1) Dalai Lama (1) Dalmir Sant'Anna (1) Daniel Bruno de Castro Reis (1) Danuza Leão (3) Datas especiais (14) David Coimbra (2) Dia da Criança (1) Dia das Mães (1) Dia do Amigo (1) Dia do Professor (1) Dia dos Pais (2) Dia Internacional da Mulher (1) Diovana Rodrigues (1) Dráuzio Varella (1) E-book do Prof. Marins (1) E-mails (1) Educação (1) Eleições (1) Evandro Amoretti (1) Fabiana Kaodoinski (1) Fabrício Carpinejar (7) Fátima Irene Pinto (1) Fernanda Mello (1) Fernando Pessoa (2) Flávio Gikovate (2) Flávio Tavares (1) Gabi Borin (1) Gilberto Stürmer (1) Halloween (1) Herbert Vianna (1) Herman Melville (1) Impunidade (1) Internet (1) Ivete Sangalo (1) Jornal Zero Hora (1) José Geraldo Martinez (1) José Ronaldo Piza (1) Kahlil Gibran (1) Kledir Ramil (1) L. F. Veríssimo (7) Laerte Russini (1) Léo Lolovitch (2) Letícia Thompson (24) Letra de música (5) Lilian Poesias (1) Lya Luft (4) Magistério (1) Maktub (4) Marcial Salaverry (1) Maria Helena Matarazzo (2) Mário Quintana (2) Martha Medeiros (32) Masaharu Taniguchi (1) Mau-humor (1) Menalton Braff (1) Mensagens (7) Meu aniversário (1) Meus blogs (4) Minha autoria (67) Miriam de Sales Oliveira (1) Motivação (2) Mulher (8) Natal (2) Oliveira Fidelis Filho (1) Oscar Wilde (1) Osho (3) Oswaldo Montenegro (1) Otimismo (1) Páscoa (3) Paulo Coelho (2) Paulo Roberto Gaefke (5) Paulo Sant'Ana (1) Pe. Fábio de Melo (1) Poemas (1) Política (1) Programa Fantástico (1) Promoções (1) Protesto (1) Recebidos por e-mail (10) Redação Momento Espírita (4) Reflexões (21) Reinaldo C. Moscatto (1) RH Andrade Gutierrez (1) Richard Bach (1) Rivalcir Liberato (5) Roberto Shinyashiki (4) Rosana Braga (2) Rosane de Oliveira (1) Rose Mori (1) Saúde (4) Selos (4) Sexo (3) Silvana Duboc (1) Tais Vinha (1) Textos Criativos (1) Textos Psicografados (1) Titãs (1) Tragédias (1) Vida real (5) Vídeo + texto de minha autoria (11) Vídeos (1) Vídeos feitos por mim (1) Vinícius de Moraes (1) Violência (1) Vitor Hugo (1) William Shakespeare (1) YouTube Vídeos (4)

Clique na imagem e...

Conheça meu blog divulgador!